:::: MENU ::::
18/maio/2019
Mário Kovalek, nasceu e viveu grande parte de sua vida em Roncador.
Formou a sua família, conquistou respeito e admiração de muitos.

Teve ao seu lado uma grande mulher e juntos fizeram muito!
A vida de Mário não foi perfeita, assim como todos nós ele também teve suas dificuldades a enfrentar e não foram poucas.

Em seus 67 anos de vida, ele realizou grandes conquistas, tudo fruto de muito trabalho.

Mas, ele nunca se deu por satisfeito, não se acomodou, na verdade ele nunca parou.
O combustível do SEU MÁRIO eram os SONHOS. Há quem dizia até que ele sonhava alto demais.

Poucos sabem, mas o que o movia não era o dinheiro;
o que movia ele era fazer, construir algo, o que o deixava feliz era a jornada, o caminho a percorrer.

Sonhos que muitas diziam que era difícil ou impossível realizar, eram esses que ele mais gostava!
Ele não tinha medo do NÃO. Ele gostava mesmo é de um desafio.

A maioria de nós passa toda nossa vida buscando a tal felicidade pessoal e profissional e no meio do caminho muitos se perguntam: Qual a diferença entre quem consegue e quem não?

É claro que não existe uma resposta única ou razão exata para isso. Porém, há muitos exemplos reais que possuem uma palavrinha em comum em sua trajetória: A PERSISTÊNCIA E PERSEVERANÇA.

E o Seu Mário foi um exemplo de persistência e perseverança.
A perseverança não é uma longa corrida. Ela é muitas corridas curtas, uma depois da outra.

É como diz aquele velho ditado popular: “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura”.

Foi assim com o seu último SONHO REALIZADO!
O sonho com o retorno do Vesná, muitos disseram a ele que era loucura, já tinha passado o tempo, ninguém mais iria querer.. mas ele foi, buscou ajuda de seus amigos, uniu forças e bateu em muitas portas, algumas se fecharam, outras se abriram.. e então, O VESNÁ RENASCEU! 
Ele sonhava em ver as crianças dançando e felizes com isso, ter o Coral Vesná, no qual ele participou e amava, visualizava o Vesná indo se apresentar pelo Brasil a fora e ficava vibrante em falar dos convites que surgiam para ir a outros países.

Sua emoção era contaminante, a ponto de não segurar as lágrimas de felicidade.
Há Mário como seus olhos brilhavam, a cada apresentação da Família Vesná, porque assim que ele nomeou, somos uma GRANDE FAMÍLIA, A FAMÍLIA VESNÁ.

Essa é a mensagem que o seu Mário nos deixou: SONHEM, sonhem muito, busque e lute por seus sonhos, sejam eles quais forem.

Não permita que as outras pessoas te desanimem e te façam desacreditar em seus sonhos.
E se você já está no meio do caminho, siga em frente por mais difícil que possa parecer.

Todos os seus sonhos podem se tornar realidade se você tiver coragem para persegui-los.
#FamíliaVesná



16/maio/2019
Hoje é o Dia da Vyshyvanka 😍 

🇺🇦 Nós Ucranianos, descendentes e aqueles que por amor adotaram essa cultura, comemoramos na terceira quinta-feira do mês de maio o Dia da Vyshyvanka, a tradicional “camisa bordada”.

Um dia para demonstrar o orgulho dessa peça de roupa étnica que carrega em si as ricas e belíssimas tradições Ucranianas 💛

A Vyshyvanka (вишиванка, em ucraniano, pronunciada como vêshêvánka) é uma camisa feita com bordados típicos da cultura Ucraniana.

📸 Já postou a sua foto com a sua Vyshyvanka favorita?

Vem saber um pouco sobre a "camisa bordada Ucraniana" 👇
(Texto escrito flaviusbusck do site steemit.com).
Cada região ucraniana tem um estilo próprio de bordado que aplica à camisa.

A vyshyvanka, mais que uma simples camisa, é uma espécie de talismã que protege a pessoa que a usa, além de também contar uma história.

Os bordados representam padrões muito antigos, pré-cristãos, e teriam como um dos objetivos impedir a entrada de espíritos maus em pontos vulneráveis do corpo. Há também a possibilidade de usar os padrões para “escrever”, o que forma uma linguagem quase cifrada em um desenho simétrico.

A celebração do Dia da Vyshyvanka busca unificar os ucranianos de todo o mundo. São comuns flash mobs e repercussão online de celebração em vários locais do mundo. É um sinal de ligação à identidade nacional e ao patriotismo ucraniano, que ultrapassa as fronteiras.

📸 Eluir Ribeiro Jr.

08/maio/2019

74 anos do fim da 2ª Guerra Mundial. 
Um semana de comemorações em muitos países Europeus e principalmente pelos povos Ucranianos! 🇺🇦

Em 8 de maio de 1945 chegava ao fim o terrível período de seis anos que durou a Segunda Guerra Mundial (1939 - 1945). 

Abaixo 👇 um texto rico de informação e história sobre esse dia de vitória, via página Embaixatriz da Ucrânia no Brasil, Fabiana Tronenko.

A partir dos primeiros dias da guerra os ucranianos lutavam contra os invasores nazistas nos exércitos da Polônia, da França, da Grã Bretanha, dos Estados Unidos, da ex-URSS, do Brasil e outros países. 2,5 milhões dos ucranianos foram condecorados com ordens e medalhas da URSS, 2070 – receberam a mais alta condecoração do herói da União Soviética.

O povo ucraniano deu uma grande contribuição para vitória na Segunda Guerra Mundial e sofreu perdas significativas que não podemos esquecer.
Na Ucrânia quase todas as famílias tiveram alguém de seus entes queridos que lutaram e deram suas vidas pela vitória.

Os historiadores estimam que a Ucrânia perdeu 2,5 milhões de militares e 5,5 milhões entre prisioneiros da guerra e civis nos campos de concentração. Em relação as perdas totais da ex-URSS isso constitui entre 40 e 44%.

Durante a guerra morreram aproximadamente 20% da população da Ucrânia e sobreviveram apenas 3% do número total dos ucranianos, recrutados no verão de 1941.

O povo pagou um preço muito alto pela paz em todo o mundo que não só se expressa em vítimas humanas, mas também em prejuízos econômicos e materiais. Foram destruídas cerca de 700 cidades (40% de todas as cidades da União Soviética destruídas pela guerra) e 28 mil aldeias.
Os danos materiais da Ucrânia, segundo a avaliação dos historiadores, superam 40% das perdas totais da ex-URSS.

Reconhecimento da contribuição da Ucrânia à vitória sobre o nazismo foi a inclusão da Ucrânia no grupo de estados - fundadores da ONU em 1946.
O povo ucraniano aprendeu a lição da tragédia da guerra e honra os seus heróis.

Por isso o Estado Ucraniano envia seus esforços para que os acontecimentos tão terríveis nunca se repitam. Todos nós devemos àqueles que deram suas vidas lutando pela sua Pátria e pela Paz.
Memória eterna para aqueles que morreram, glória aos heróis!

День пам’яті та примирення

74 anos do fim da 2ª Guerra Mundial.
Um semana de comemorações em muitos países Europeus e principalmente pelos povos Ucranianos! 🇺🇦 Em 8 de maio de 1945 chegava ao fim o terrível período de seis anos que durou a Segunda Guerra Mundial (1939 - 1945).
Abaixo 👇 um texto rico de informação e história sobre esse dia de vitória, via página Embaixatriz da Ucrânia no Brasil, Fabiana Tronenko.
A partir dos primeiros dias da guerra os ucranianos lutavam contra os invasores nazistas nos exércitos da Polônia, da França, da Grã Bretanha, dos Estados Unidos, da ex-URSS, do Brasil e outros países. 2,5 milhões dos ucranianos foram condecorados com ordens e medalhas da URSS, 2070 – receberam a mais alta condecoração do herói da União Soviética.

O povo ucraniano deu uma grande contribuição para vitória na Segunda Guerra Mundial e sofreu perdas significativas que não podemos esquecer. 
Na Ucrânia quase todas as famílias tiveram alguém de seus entes queridos que lutaram e deram suas vidas pela vitória. Os historiadores estimam que a Ucrânia perdeu 2,5 milhões de militares e 5,5 milhões entre prisioneiros da guerra e civis nos campos de concentração. Em relação as perdas totais da ex-URSS isso constitui entre 40 e 44%.
Durante a guerra morreram aproximadamente 20% da população da Ucrânia e sobreviveram apenas 3% do número total dos ucranianos, recrutados no verão de 1941. O povo pagou um preço muito alto pela paz em todo o mundo que não só se expressa em vítimas humanas, mas também em prejuízos econômicos e materiais. Foram destruídas cerca de 700 cidades (40% de todas as cidades da União Soviética destruídas pela guerra) e 28 mil aldeias. Os danos materiais da Ucrânia, segundo a avaliação dos historiadores, superam 40% das perdas totais da ex-URSS. Reconhecimento da contribuição da Ucrânia à vitória sobre o nazismo foi a inclusão da Ucrânia no grupo de estados - fundadores da ONU em 1946.
O povo ucraniano aprendeu a lição da tragédia da guerra e honra os seus heróis. Por isso o Estado Ucraniano envia seus esforços para que os acontecimentos tão terríveis nunca se repitam. Todos nós devemos àqueles que deram suas vidas lutando pela sua Pátria e pela Paz. Memória eterna para aqueles que morreram, glória aos heróis!

День пам’яті та примирення


Fale com a gente: Contato